Archive for janeiro \17\UTC 2013

[Solidariedade] Somos todos Milton Santos!

17 de janeiro de 2013
Não ao despejo do Assentamento Milton Santos em Americana e Cosmópolis!

Nós do Terra Livre – movimento popular do campo e da cidade, declaramos nosso total apoio e solidariedade à luta das famílias do Assentamento Milton Santos que vem sofrendo um dos piores ataques aos movimentos sociais. Trata-se do despejo de uma área já conquistada e oficialmente assentada pelo governo federal há sete anos.
Ontem (25/01/13) o INCRA-SP foi ocupado exigindo a revogação do despejo das famílias, que pode ocorrer a partir do dia 24 deste mês. Uma comissão do Terra Livre visitou a ocupação do INCRA para declarar nosso apoio e obter mais informações. Para barrar o despejo é necessário que a presidenta Dilma Rousseff assine o decreto de desapropriação por interesse social da área.

Esta luta não pode ser apenas das famílias do assentamento Milton Santos, mas deve ser de todos aqueles que defendem uma sociedade mais justa. Esta é a primeira vez que um assentamento consolidado sofre ameaça de um despejo, o que abre um perigoso precedente para as lutas sociais. O governo Dilma além de ser o que menos desapropria áreas para a construção de projetos de assentamento desde o governo Collor, agora está sendo conivente com o retrocesso de uma área conquistada. Isso não podemos permitir.

Todo apoio às famílias assentadas e à Ocupação do INCRA-SP!

Não ao despejo! Somos todos Milton Santos!

Terra Livre – movimento popular do campo e da cidade
16 de janeiro de 2013.

http://terralivre.org/2013/01/solidariedade-somos-todos-milton-santos/

 

Terra Livre ocupa fazenda pela terceira vez em Goiás

17 de janeiro de 2013

NOTA À IMPRENSA


Goiânia, 14 de Janeiro 2013.

Terra Livre organiza nova ocupação na Fazenda Santa Maria, latifúndio localizado no município de Lagoa Santa-GO.

Na madrugada de Domingo 13/01/2013, cerca de 70 famílias organizadas no movimento popular Terra Livre da região de Itajá e Lagoa Santa (cerca de 450 km da capital Goiânia) decidiram ocupar pela terceira vez a Fazenda Santa Maria.

Esta fazenda encontra-se sequestrada pela Justiça em favor da Fazenda Publica Nacional há mais de dois anos. Foi solicitada ao Incra a realização de vistoria técnica para aferir o grau de produtividade e sua viabilidade para Reforma Agrária para em seguida  solicitar ao juiz do processo que a mesma seja destinada para a criação de um Projeto de Assentamento. Infelizmente até o momento a vistoria não foi realizada. As famílias cansadas de esperar decidiram reocupar a fazenda Santa Maria para cobrar agilidade do Incra.

A presidenta Dilma Rousseff abandonou completamente a política de Reforma Agrária, preferindo atender o agronegócio. O INCRA está sendo desmontado e centenas de áreas já com decreto de desapropriação seguem aguardando pagamento das TDAs (Títulos da Dívida Agrária) em Brasília, com risco de prescrição de prazos, e o INCRA não realizar novas vistorias. O atual governo é o menos preocupado com a Reforma Agrária desde o governo Collor.

Solicitamos à Superintendência do INCRA/GO que encaminhe urgentemente a vistoria das fazendas e faça gestão junto ao Juiz do processo com objetivo que a mesma seja destinada para assentamento das famílias.

No Brasil para combater verdadeiramente a miséria é preciso fazer a Reforma Agrária.

 

Secretaria de Comunicação Terra Livre

Coordenação Estadual do Terra Livre-GO.

Terra Livre ocupa fazenda em Inocência/MS

17 de janeiro de 2013

Famílias organizadas pelo Terra Livre comemoraram o ano  novo com ocupação de fazenda no MS.

 

03 de Janeiro de 2013

 

Um grupo de 80 famílias organizado no movimento popular Terra Livre da região de Paranaíba/MS decidiu comemorar a chegada do ano novo com uma ocupação logo nas primeiras horas da terça feira do dia 1º de Janeiro de 2013. As famílias ocuparam a Fazenda Boa Vista por volta das 2hs da madrugada.

A fazenda ocupada esta sequestrada pela justiça do Mato Grosso do Sul. Localizada no município de Inocência que fica a aproximadamente 4o0 km da Capital Campo Grande. Mesmo diante do abandono da fazenda o Incra não realizou a vistoria conforme solicitação do movimento . As famílias cansadas de esperar decidiram ocupar para cobrar do Incra agilidade.

O governo da presidenta Dilma Rousseff, abandonou a política de Reforma Agrária , preferindo atender o agronegócio. O INCRA está sendo desmontado e centenas de áreas já com decreto de desapropriação seguem aguardando pagamento das TDAs (Títulos da Dívida Agrária) em Brasília, com risco de prescrição de prazos, e o INCRA não realizar novas vistorias.

Solicitamos à Superintendência do INCRA no MS  que encaminhe urgentemente a vistoria das fazendas e faça gestão junto ao Juiz do processo da Fazenda Boa Vista com objetivo de que a mesma seja destinada para o assentamento das famílias.

Não  se  combate a miséria sem  fazer Reforma Agrária .

Secretaria de Comunicação Terra Livre /MS.